Home Page > Dicas Veterinárias > Medulares e vertebral defeitos congênitos em cães

Medulares e vertebral defeitos congênitos em cães


Malformações cong?nitas da coluna vertebral em cães

Cães na maioria das vezes de herança genética malformações cong?nitas da coluna vertebral e (em oposição ás condições adversas durante o desenvolvimento fetal). Eespecificamente, disgenesia sacrococcígea (desenvolvimento defeituoso) é um traço dominante, enquanto hemivértebra torácica (peito meia-vértebra) do alem?o de p?lo curto ponteiros é uma característica recessiva.

Malformações da coluna vertebral são geralmente vidente ao nascimento ou nas primeiras semanas de vida. Por outro lado, malformações vertebral pode ser latente até que o cão passa por um surto de crescimento em torno de 5-9 meses de idade. Sinais visíveis de uma coluna espinhal são distorcidas lordose (curvatura da coluna vertebral na regi?o lombar) e cifose (uma curvatura posterior da coluna vertebral).

Escoliose (uma curvatura lateral da coluna vertebral) é também uma forma facilmente visível de malformação vertebral. Se as malformaçõese elevar a compressão da medula espinhal e trauma secundário, o cão afetado irá exibir ataxia e paresia. Medicina muitas vezes não resolve manifestações neurológicas de malformações da coluna vertebral e. Se a condição é grave intratável, a eutanásia deve ser considerada.

Sintomas e tipos de

Malformação dos ossos occipital - atlas ixo (a primeira e a segunda vértebras cervicais na base do crânio):
Causa compressão da medula espinhal superior, o que pode levar á paralisia, morte súbita
Mais comum em cães de raças pequenas
Hemivértebra (meia vértebra uma)
Cifose, escoliose, lordose
Vértebras em forma de cunha, faz com que o ângulo da coluna vertebral
Maior probabilidade de afetar o sistema neurológico
Fraqueza nos membros traseiros (paraparesia), Paralisia
Pode permanecer sem sintomas
Afeta raças com um crânio curto, e "screw-tailed" raças (pode ser desejável em algumas raças)
Pugs, Boston terriers, Franc?s e Ingl?s bulldogs
Vértebra de transição
Tem características de dois tipos de vértebras
Pode resultar em compressão da medula, mudanças disco
Bloco vértebra
Vértebras fundidas, devido á segmentação imprópria de vértebras
Animal pode viver normalmente sem sintomas
Borboleta vértebra (vértebra com uma fenda através do corpo e uma forma de funil nas extremidades):
Vértebra com uma fenda através do corpo e uma forma de funil nas extremidades (dando apar?ncia de borboleta em exame de raios-X)
Causa instabilidade do canal vertebral, e raramente, compressão da medula espinal com paralisia
Disgenesia sacrococcígea
Defeituosa formação de menor vértebras da coluna vertebral
Associadas com espinha bífida (falta de arcos vertebrais da coluna vertebral)
Espinha bífida
Displasia vertebral variável (desenvolvimento anormal); disrafismo (defeituosa fusão espinhal); siringomielia (cisto na medula espinhal); hidromielia (canal central alargada na medula espinhal, onde fluido cerebrospinal em excesso se acumula); e mielodisplasia (desenvolvimento defeituoso da medula óssea)
C?o pode não apresentar sintomas
Bulldogs, pugs, Boston terriers
Mielodisplasia
Desenvolvimento defeituoso da medula óssea
Weimaraners
Estenos spinal cong?nita (estreitamento do canal espinhal malformação de nascença, hereditário)
Chondrodystrophic (anão) raças
Basset hound, beagle, dachshunds, lhasa apso, shih tzu, Pekingese
Doberman pinschers também são geneticamente liminados

Causas

Herança genética
Possivelmente, exposição de f?meas grávidas:
Compostos que causam defeitos de nascimento durante o desenvolvimento fetal
Toxinas
Defici?ncias nutricionais
Estresse

Diagnóstico

Você vai precisar de dar o seu veterinário uma história completa da saúde do seu cão e início dos sintomas. Um exame físico completo será realizada. Raios-X da coluna vertebral (incluindo todas as vértebras) muitas vezes pode revelar a exata malformação. Se sinais neurológicos (Paralisia) est?o presentes, uma mielografia pode ser usado para indicar com precisão em que nível da medula espinhal é comprimida. Esta técnica de imagem usa uma substância radiopaca que é injetada na espinha, ou para o espaço membranoso que envolve a medula espinhal, para que os defeitos na coluna vertebral será visível no raio-X projeções.

A tomografia computadorizada (CT) e ressonância magnética (MRI) também pode ser útil, e são em alguns casos, muito mais sensível que os raios X. Contudo, mielografia é geralmente a técnica de diagnóstico por imagem de scolha.

Tratamento

A cirurgia pode ser útil para casos que envolvem estreitamento do canal vertebral e descompressão da medula espinhal. Danos secundários devido á compressão da coluna vertebral podem ser evitados se a intervenção cirúrgica ocorre no início. Se a compressão medular é difusa ou a longo prazo, seu cão não pode responder a cirurgia. Se o seu cão está mostrando sinais neurológicos como tonturas, convuls?es ou paralisia pós-operatório, atividade restrita combinada com a terapia física pode ser útil.



internet

O conteúdo presente no texto acima é responsabilidade dos Autores citados

Gostou do conteúdo animal acima! Então compartilhe em suas Redes Sociais:

Letras de Música com temas Animais:

bulletAsa s cobras

bulletRabo de galo polara

bulletmineirinho genial! nova lima - cidade natal marquês de sapucaí - o poeta imortal!"

bulletEu, minha gata e meu cachorro blitz

bulletCavalos Do Cão



Dicas Veterinárias:

bulletFesta junina e pets: diversão com segurança

bulletArtrite e artrose em cães

bulletDicas para o bom criador de agapornis

bulletComo amenizar o medo dos fogos de artifício

bulletMudando de casa com seu gato



Ver todas as Dicas Veterinárias



Colunistas - Veterinários que escrevem sobre temas aos leitores

bullet Dr. Luiz Bolfer formou se em Medicina Veterinária no Brasil e mudou se para os Estados Unidos para se especializar em Cardiologia, Emerg?ncia e Cuidados Intensivos em cães e gatos. Completou 12 meses de Internato em Clínica Médica e Cirúrgica Veterin>

bullet Tatiana Grillo
Eu atendo em domicílio em Sorocaba-SP
(15) 3019-2101
http://blogdicasanimais.blogspot.com.br/2016/08/que tamanho vai ficar meu filhote.html>

bullet Américo F. Pelicioni, CRF: 29.670 >

bullet Darvin: darvin@adestradorpessoal.com.br http://www,adestradorpessoal.com.br>

bullet Kadu Camargo Professor da Pontifícia Universidade Católica do Paraná, responsável pelo G.E.R.E. (Grupo de Estudos em Reprodução Equina PUCPR); Doutorando do Programa de Pós Graduação em Medicina Animal: Equinos, na área da Reprodução Equina da UFRGS (Universidade Federal do Rio Grande do Sul). E mail: kaducamargo@gmail.com Leia mais sobre esse assunto em https://www.revistahorse.com.br/imprensa/cuidados durante a gestacao de eguas os primeiros 60 dias sao os mais criticos/20170410 175102 j086>



Cinema, Filmes e Seriados:

bulletO cachorro bombeiro (firehouse dog)

bulletBatman (1966)

bulletCorrendo pra cachorro (man about dog)

bulletMeu maior amigo

bulletOs pássaros 2 - o ataque final (the birds ii: land s end)



Ver todos os filmes e seriados

Livros Animais

bulletNo meu peito não cabem pássaros

bulletAves-simbolos dos estados brasileiros, as

bulletO selo da agonia - livro dos cavalos

bulletPassaros sao eternos, os

bulletExplicação dos pássaros

Ver todos os Livros

Digite aqui a palavra-chave


© Desde 2000 na Web - CONTEÚDOANIMAL.com.br - Todos os direitos reservados - Créditos