Home Page > Dicas Veterinrias > Ração, como armazenar de forma correta

Ração, como armazenar de forma correta


 


É muito comum termos um cuidado até exagerado com nossos cães e gatos, mas na hora de guardar a ração…


Já visitei muitas casas onde é comum vermos a ração armazenada no espaço que sobra e de preferência no cantinho, longe da vista, para não “enfeiar” o ambiente. No canto da cozinha, perto da geladeira ou do fogão; no armário embaixo da pia; na lavanderia, atrás do cesto de roupas; no quartinho dos fundos; no quintal… Os lugares são muitos e alguns são surpreendentes. Mas nem todos são adequados e aí…


Isso pode gerar problemas, que vão desde uma simples rejeição da ração pelo cachorro ou gato, rações mofadas ou até o aparecimento de bichos e larvas.


Manter na embalagem ou colocar em um recipiente / container de armazenamento?


Existem diversos containers no mercado para armazenamento de ração, muitos deles de excelente qualidade. No entanto, pense neles como um bom complemento à embalagem e não como um substituto.


As embalagens são pensadas para ajudar a manter a temperatura correta, o cheiro da ração, além de serem uma garantia, caso, por algum motivo, seja necessário contactar o fabricante para uma troca.


Já os containers, ajudam a isolar o conteúdo da embalagem de possíveis ameaças, como: moscas, ratos, baratas e, até mesmo, água, umidade ou excesso de calor.


Bom, agora que já temos uma noção básica do assunto, vamos organizar as idéias:


1o – Nunca, NUNCA tire a ração da embalagem do fabricante


– As embalagens são feitas para conservar as rações. Elas ajudam não somente a evitar que o cheiro saia, quando bem lacrados os sacos, como também, auxiliam na questão da temperatura e umidade, além de evitarem que moscas e insetos tenham contato com o conteúdo;


Obs: Manter o conteúdo na embalagem facilita, caso seja necessário acionar o fabricante para uma possível troca quando a ração estraga.


2o – Mantenha bem lacrado


– Os cães e gatos são atraídos muito mais pelo cheiro do que pelo paladar. Quando deixamos uma ração armazenada sem lacrarmos direito, além de incorrermos no perigo de termos todo o conteúdo contaminado por uma mosca, rato ou outros animais, a comida perde um dos principais chamarizes para nossos pets, o cheiro.


3o – Não deixe diretamente no tempo. Sol, chuva, muito calor ou muito frio não são legais.


– Deixar a ração em contato direto com o sol ou chuva ou em locais muito quentes ou frios não é bom. Lembre, ração não é planta, ok? Não precisa do sol da manhã e nem de um pouquinho de chuva, ainda que bem lacrada e dentro da embalagem ou recipiente. Fique atento às indicações na embalagem sobre a temperatura média ideal.


4o – Direto no chão ou em contato com a parede NÃO.


– Quando deixamos o saco diretamente no chão ou encostado na parede as chances de termos problemas de mofo devido a umidade aumenta. Então, coloque a ração em cima de um banquinho e sem apoiá-la na parede.


5o – Cuidado com os furos no saco.


– Cuidado para não bater o saco em algum local e causar pequenos furos. Aqueles quartinhos não muito movimentados podem ter ratos ou outros bichos que furem o saco. Atenção até mesmo para os seus pets, pois alguns gostam de fazer um furinho no saco para aquela refeição fora de hora.


– Esses furos são porta de entrada para umidade, moscas e outros bichos que podem ocasionar mofo ou até mesmo larvas na ração.


Dica: Mantenha na embalagem, colocando ou não em um porta ração. Feche bem para não entrar bichos ou sair o cheiro, nada de contato direto com o chão ou parede e nada de sol ou chuva. Embalagens furadas são perigosas e inapropriadas.



http://racaonaporta.com.br/?p=529

O contedo presente no texto acima responsabilidade dos Autores citados

Gostou do contedo animal acima! Ento compartilhe em suas Redes Sociais:

Letras de Msica com temas Animais:

bulletPára de peixe

bulletAl Capone

bulletOperário em Construção

bulletPaga pau

bulletPeacock



Dicas Veterinrias:

bulletA melhor alimentação para os agapornis

bulletCães e gatos podem viver juntos, sim!

bulletDoença renal causada por múltiplos cistos em cães

bulletCrescimentos rosa no nariz em cães

bulletVc gosta de gatos ?



Ver todas as Dicas Veterinrias



Colunistas - Veterinrios que escrevem sobre temas aos leitores

bullet Dr. Luiz Bolfer formou se em Medicina Veterinária no Brasil e mudou se para os Estados Unidos para se especializar em Cardiologia, Emerg?ncia e Cuidados Intensivos em cães e gatos. Completou 12 meses de Internato em Clínica Médica e Cirúrgica Veterin>

bullet Revista Pequenos Cães Grandes Amigos Edição 29 Abril/Maio2010.>

bullet Daniel Checchinato,(11) 45210959, Av pref. Jose de Castro Marcondes, 260 Vila Hortolandia, Jundiaí/SPl, www.veterinariachecchinato.com.br>

bullet M.V Helena Monkevic Casarin 19 993353793 Clinica Juliu´s 32134539>

bullet Camila de Oliveira Cruz Medicina Veterinária na Universidade Anhembi Morumbi, São Paulo/SP>



Cinema, Filmes e Seriados:

bulletThe wolf of wall street

bulletUma cilada para roger rabbit

bulletQualquer gato vira-lata

bulletErrado pra cachorro (who s minding the store?)

bulletTarzan



Ver todos os filmes e seriados

Livros Animais

bulletPassaro-camaleao, o

bulletAves-simbolos dos estados brasileiros, as

bulletCachorro magro

bulletEu não sou cachorro, não

bulletPequenos passaros

Ver todos os Livros

Digite aqui a palavra-chave


© Desde 2000 na Web - CONTEDOANIMAL.com.br - Todos os direitos reservados - Crditos